Nosso Ano

Nosso Ano

Total de visualizações de página

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Jesus e os humanos


Escrituras:
De tardinha, os discípulos chegaram perto de Jesus e disseram: Já é tarde, e este lugar é deserto. Mande esta gente embora, a fim de que vão aos sítios e povoados de perto daqui e comprem alguma coisa para comer. Mas Jesus respondeu: Dêem vocês mesmos comida a eles. Os discípulos disseram: Para comprarmos pão para toda esta gente, nós precisamos de duzentas moedas de prata.
Marcos 6:35-37

Observação:
Vejamos que o texto fala da intenção e estratégia dos discípulos para dar comida ao povo que era em grande número. Jesus tinha outra estratégia naquele dia. Os discípulos estavam sendo normais e naturais pensando como qualquer um, tem uma multidão com fome e a lógica é despedi-los para os lugarejos vizinhos para se alimentarem. Agora Jesus via na multidão com fome uma grande oportunidade de mostrar a gloria de Deus e fazer um milagre para ensinar os discípulos e o povo. Veja o contraste do raciocínio dos discípulos e o de Jesus, totalmente opostos, os discípulos tinham feito até as contas de quanto custava a comida para todos e Jesus queria que os próprios discípulos suprissem a necessidade da multidão. Perguntemos-nos quantas vezes em nossa vida pensamos como os discípulos e quantas como Jesus?

Aplicação:
Acho que a maioria das vezes em minha vida penso como os discípulos ainda que queira pensar como Jesus. O campo da fé para mim ainda é estranho mesmo que meu discurso sobre fé seja eloqüente e cheio de conhecimento sobre fé. O texto me confronta muito sobre o que Deus quer fazer e o que eu quero fazer diante de uma grande necessidade. Sempre diante da dificuldade quero fazer o natural e humano que é raciocinar como sempre e ficando no campo dos humanos, mas Jesus me diz que o sobrenatural existe e que eu posso buscar uma solução divina, e que mesmo sem possibilidades nenhuma, alguma coisa pode acontecer porque ele acredita em mim e quer me mostrar ações extraordinárias para que eu aprenda que ele tem um estilo de vida diferente do normal para minha vida e todos aqueles que me cercam. A grande lição de Cristo aos discípulos dizendo: Daí vocês comida a multidão, me posiciona em uma dimensão de fé que me leva a entender que Jesus quer me incluir em coisas que a mente dele tem para minha vida. E isso não é somente para mim, mas para todos que me rodeiam também. Jesus sempre me surpreende.

Oração:
Senhor Deus ajude-me a ter fé em seu plano e continuar pensando como meu Senhor e não agir naturalmente e na lógica da minha mente sem experimentar o que tens para mim. Obrigado por lembrar-me que queres me ajudar a ter experiências com a solução que vem de ti. Em nome de Jesus amém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário